sexta-feira, janeiro 25, 2008

MINIgiga

Quando crescer quero ser pequeno

Diferente de com quisera antes.

Agora interesso tomar veneno

Desses de ficar menor que os infantes


Esse dia, de pequeno flor,

Menorzinho do resto do mundo.

Esquecerei de ver altas-altezas e

Serei amor das coisas lá do fundo


Tadinho, pedaço pouco de gente,

Cabido em qualquer lugar que quer,

Sumindo, esvaindo, cisco volante,

Pra nascer um dia um grão,

giga - gigante!

2 comentários:

Liliane disse...

olá primo de Andores.
um abraço

maria disse...

a mi, me encanta!
lembrei aqui de "Los Venenos" conto assombroso do Cortázar no livro Final de Juego. se ainda não leu esse, espia e depois me conta.
beju