segunda-feira, fevereiro 06, 2006

Passos largos

Posto que cada passo passeia em busca de um não mais passear
E que cada alinhavada dada ao tempo procura o não mais procurar
É que me lanço ao não mais lançar.

Sublinhada tal essência menos essencial que as outras
Percebido o fim inato de tudo o que se percebe
É que admito o admitir

Que cada passo dado alinhava os pés de quem passeia.


Lucas dos Anjos

Um comentário:

maria disse...

ei, Lucas!